07/04/2008

Alemanha: Colocação de professores de português

fonte: Expresso Portugal

Mais de 700 portugueses manifestaram-se hoje em Estugarda e Frankfurt, na Alemanha, em defesa da estabilidade na colocação de professores de português, disse à agência Lusa o presidente da Federação das Associações Portuguesas na Alemanha (FAPA).

"Foi um grande sucesso, ambas as manifestações correram da melhor maneira apesar do mau tempo", disse Vítor Estrada, adiantando que em Estugarda estiveram presentes "450 a 500 pessoas e muitos professores" e em Frankfurt "à volta de 250".

A falta de professores de português em algumas localidades daquelas regiões deixou até agora cerca de 250 crianças sem aulas, embora já esteja prometida a colocação de docentes.

"Estava já confirmado que a partir da próxima semana aquelas duas localidades vão ter professores. De qualquer maneira decidimos manter a manifestação para mostrar que não estamos dispostos a ter o mesmo problema para o ano", explicou.

"A comunidade quer estabilidade em relação à colocação de professores a tempo e horas", salientou Vítor Estrada.

Com as manifestações, os portugueses "mostraram que estão dispostos a defender os seus direitos", disse ainda.

Em declarações sexta-feira à Lusa, o responsável tinha alertado ainda que, se algum professor na Alemanha se reformar este ano, o concurso de colocação de professores tem de ser aberto até ao final deste mês para garantir que haja docentes destacados no início do próximo ano escolar, em Agosto.

Esta é a segunda manifestação que portugueses na Alemanha realizam em menos de um ano por causa do ensino do português no estrangeiro.

Em Setembro passado, a comunidade em Dusseldorf também foi para a rua pelos mesmos motivos.

"Esperamos que no próximo ano lectivo não seja preciso ir para a rua", disse ainda Vítor Estrada.

Um comentário:

Notebooks disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.